segunda-feira, 18 de novembro de 2013

China projeta acesso para o próximo ano enquanto analisa mercado


Rogério Ferreira Pinto, 50 anos, conhecido como China, está confiante no acesso do Grêmio Prudente para o próximo ano. Longe dos treinamentos e do contato diário com jogadores, o técnico desempenha atualmente um novo papel na comissão técnica do time prudentino.
Após não conseguir classificar a equipe para a terceira fase do Paulista da 2ª divisão na atual temporada, China optou por continuar na equipe, mas desta vez como coordenador-técnico. O convite partiu da diretoria do clube, que acredita na possibilidade de uma renovação para a próxima temporada.
Sobre a possibilidade de conquistar o acesso no comando do Grêmio Prudente no próximo ano, China é categórico.
- Com a estrutura que o time tem e com o tamanho da cidade, eu garanto subir o Prudente no próximo ano. Não podemos mais adiar esse sonho – finaliza.
Nesta nova função, pelo menos até o início do próximo ano, o treinador tem acompanhado todos os campeonatos regionais não apenas no estado de São Paulo, mas também em outras regiões do país. A inteção é fazer contatos com vários atletas, para posteriormente firmar contratos para a disputa da segundona.
- Quando saímos da competição, deixei claro pra diretoria o meu interesse em continuar. Após algumas reuniões, definimos que eu iria fazer o papel de olheiro. Nesse período de pausa entre uma competição e outra, estou conversando e tentando apalavrar com alguns jogadores. Não dá pra contratar agora, mas já estou deixando as coisas bem conversadas – diz.
Técnico China Angola (Foto: Arquivo Pessoal )Técnico China já conseguiu acesso até no futebol
angolano (Foto: Arquivo Pessoal )
Experiente em disputar a segunda divisão, o treinador coleciona dois acessos à série A-3. O primeiro veio em 2009, com a Associação Esportiva Araçatuba. Já em 2012, China conquistou o acesso com o Clube Atlético Votuporanguense, quando realizou uma excelente campanha. Em 2008, em trabalho fora do país, o treinador subiu da segunda para a primeira divisão o futebol angolano, com a Acadêmica Petrólios Soyo.
Erros e planejamento
Para o treinador, alguns erros geraram insucesso do Grêmio Prudente nos anos anteriores. Já sobre o trabalho de seu antecessor Jorge Parraga, ele acredita que a principal falha foi querer contratar apenas jogadores com quem já havia trabalhado.
- Gosto muito do Parraga, mas ele errou em algumas contratações. Não se pode querer trabalhar só com jogadores conhecidos, até porque essa divisão não aceita erros. Jogador não precisa ser perfeito fora de campo, o comprometimento tem que ser dentro das quatro linhas – afirma.
China pretende começar os trabalhos da próxima temporada no dia 15 de janeiro. Nesse período, ele quer estar com 70% do grupo definido e no aguardo apenas do final da série A-2, onde deve contratar alguns atletas que formarão a "espinha dorsal" da equipe e assim fechar o elenco.
- Vamos montar um time forte. A inteção é contratar jogadores no limite de idade da divisão, ou seja, a maioria com 23 anos, jogadores já rodados e experientes. Não adianta querer revelar atletas, a intenção é subir.
Fonte: Ronaldo Nascimento/globoesporte.com

Feed Grêmio Prudente