segunda-feira, 29 de julho de 2013

Grêmio Prudente leva goleada de 4 a 1 na estreia na segunda fase do Paulista

O Grêmio Prudente estreou com derrota por 4 a 1 para a Associação Atlética Internacional na segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão em jogo disputado na manhã deste domingo (28) no Estádio Sócrates Stamato, em Bebedouro. O time do técnico Jorge Parraga foi completamente dominado pela equipe da casa durante toda a partida e em nenhum momento esboçou qualquer chance de ameaçar o controle exercido pela Inter.
Logo aos três minutos de jogo, a Internacional de Bebedouro abriu o placar com Felipe Ramos, que desviou cobrança de falta rasteira realizada por Róbson.
A pressão do time da casa sufocou o Grêmio Prudente, com chances claras de gol que foram desperdiçadas, para fora, por Mateus, aos cinco minutos, e Róbson, aos sete, que assustaram o goleiro Ari.
O Grêmio só chegou com perigo pela primeira vez aos oito minutos, após cobrança de escanteio. No entanto, não conseguiu aproveitar a oportunidade criada. Aos 10 minutos, Frizzi bateu fraco para fora outra chance gremista.
Aos 14 minutos, o Grêmio teve outro escanteio infrutífero, mas logo após a cobrança a Inter aproveitou para encaixar um contragolpe perigoso que quase surpreendeu o goleiro Ari.
Em nova falta, aos 16 minutos, a Inter chegou com perigo, mas o ataque estava impedido. No minuto seguinte, o técnico Ney Silva foi obrigado a mexer no time da casa. O atacante Mateus, artilheiro da Inter com oito gols no campeonato, saiu de campo lesionado para a entrada de Dener.
Em arremate do lateral Rafael, o Grêmio obteve novo escanteio aos 23 minutos, mas a batida ruim feita por Renato resultou no desperdício do lance. Aos 27 minutos, Renato tentou o cruzamento, mas não havia ninguém do ataque gremista na área da Inter. Renato voltou a levantar a bola para a área da Inter, em cobrança de falta, aos 32 minutos, mas o desvio do ataque foi para fora. Na sequencia, Dener cabeceou para fora e a bola passou rente ao canto direito do gol defendido por Ari.
Aos 33 minutos, a Inter fez prevalecer o maior volume de jogo e chegou ao segundo gol, com o meia Welker, que arrematou após bela jogada de Róbson, que deixou para trás três jogadores gremistas. O time da casa explorava a velocidade no ataque, enquanto a equipe visitante não conseguia esboçar uma reação na partida.
Renato ainda tentou cruzamento fechado aos 43, mas o zagueiro Willer tirou pela Inter.
“O diferencial foi que todo mundo se uniu, todo mundo correu”, disse o goleiro da Inter, William, no intervalo do jogo.
Já pelo lado do Grêmio, sobraram lamentações. “Tivemos alguns erros lá atrás, coisa que não pode acontecer, mas não podemos nos desesperar”, afirmou o zagueiro e capitão Petterson. O goleiro Ari salientou que o time até entrou ligado no jogo, mas fazendo muitas faltas. “Como saímos atrás no placar, isso acabou dificultando mais, porque tivemos de nos abrir”, apontou.
O técnico Jorge Parraga fez duas alterações no intervalo. Tirou o lateral Rafael e o atacante Ângelo para as entradas de Jean e Iuri. “Precisamos ter calma, não podemos entrar em desespero”, afirmou o comandante gremista.
No entanto, quem chegou ao gol foi o time da casa. Em uma jogada muito bem trabalhada entre Felipe Ramos e Róbson, o meia Welker fez 3 a 0, o segundo gol dele na partida, aos oito minutos do segundo tempo.
O terceiro gol nocauteou o Grêmio Prudente, mas Parraga ainda tentou a sua última mudança na equipe, com uma mexida no ataque, colocando Pedro Henrique no lugar de Frizzi, aos 22 minutos.
Porém, o controle do jogo continuava absolutamente nas mãos da Inter. Tanto que, aos 28 minutos, o lateral Felipe perdeu chance incrível de fazer 4 a 0. Com o goleiro Ari já batido, ele chutou por cima do gol, desperdiçando cruzamento, mesmo estando debaixo das traves.
Felipe Ramos também mandou para fora outra chance de ampliar o placar para a Inter, aos 33 minutos, em contra-ataque da equipe da casa. No minuto seguinte, o técnico Ney Silva tirou Jé para a entrada de Édson Bauru. Aos 37 minutos, Vieira entrou na vaga de Júlio, na Inter.
O Grêmio Prudente descontou aos 38 minutos com belo gol do zagueiro Guilherme, pegando de voleio cruzamento na área da Inter, após cobrança de escanteio. No entanto, o time prudentino nem pôde comemorar. No minuto seguinte, logo após a saída de bola, a Inter fez o quarto gol com Róbson.
O resultado foi muito comemorado pelo time da casa. “Pudemos concretizar aquilo que trabalhamos durante toda a semana”, afirmou o lateral Felipe. “Todo mundo queria esta vitória, isso é mais uma prova de que o nosso time está chegando. Todo mundo tem de correr, atacar e defender. A gente conseguiu os três pontos e foi mérito de todo mundo”, disse o meia Welker, autor de dois gols da Inter.
Pelo lado do Grêmio Prudente, os jogadores ressaltaram que a equipe não pode se abater, mesmo diante da goleada sofrida fora de casa. “A gente tem de confiar um no outro. O trabalho vem sendo feito. A gente vinha bem. E não adianta a gente ficar se lamentando, não temos tempo de ficar chorando”, disse o goleiro Ari.
“Quem dá desculpa não assume a responsabilidade. A gente errou, mas não tem nada de desespero. A Segunda Divisão é muito equilibrada, o campeonato é muito difícil. Mas o resultado não é para desesperar, não”, salientou o volante Jordi Guerreiro.
Para o meio-campista Evandro, o que desequilibrou o Grêmio foi ter tomado o primeiro gol muito cedo.
“A gente tem de ter tranquilidade para trabalhar e reverter esta situação. A cara do nosso time não é esta”, enfatizou o atacante Pedro Henrique.
Já o técnico Parraga afirmou que o Grêmio ainda tem mais cinco jogos para lutar pela classificação para a terceira fase. “Ninguém vai jogar a toalha, muito pelo contrário. Vamos nos dedicar mais ainda”, apontou. “Não fizemos um bom jogo, tivemos falhas, mas os atletas lutaram até o fim. Até agora, os atletas demonstraram muito profissionalismo e hombridade”, complementou.
O treinador tem uma meta de conquistar nove pontos para garantir a classificação. "Foi uma derrota a que não estamos acostumados. Hoje não era nosso dia, era dia da Inter, que foi superior", lamentou.
Classificação
Com o resultado, o Grêmio Prudente fica na lanterna do Grupo 10 da Segundona, sem nenhum ponto. O líder é o time da Inter, com três pontos. O Paulistinha de São Carlos, que neste domingo (28) ganhou fora de casa por 1 a 0 da Associação Atlética Araçatuba, também tem três pontos, mas fica em segundo lugar. O Araçatuba, outro clube “zerado” na classificação, aparece na terceira colocação.
O Grêmio Prudente voltará a campo na próxima quarta-feira (31), às 20h, quando receberá o Araçatuba no Estádio Prudentão, pela segunda rodada da segunda fase. Ainda pelo Grupo 10, o Paulistinha receberá na próxima rodada a Inter na quinta-feira (1º), às 19h, no Estádio Professor Luiz Augusto de Oliveira, em São Carlos.
Fonte: Gelson Netto/iFronteira.com

Feed Grêmio Prudente